Construir uma casa é hoje 8,5% mais caro do que há um ano

Segundo os dados divulgados esta quinta-feira pelo INE, os custos de construção de habitação nova aumentaram 8,5% em Novembro de 2021 face ao período homólogo.
Foto: Ricardo Gomez Angel
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Construir uma casa é uma decisão que sai cada vez mais cara. De acordo com os dados divulgados esta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística, em Novembro de 2021 os custos de construção de habitação nova aumentaram 8,5% em comparação com o mesmo mês de 2020 e 1,2 pontos percentuais em relação ao mês de Outubro. O preço dos materiais e o custo da mão-de-obra são os dois principais factores que influenciam o custo de habitação nova.

Em Novembro do ano passado, o preço dos materiais registou um agravamento de 9,4% face a Novembro de 2020, enquanto o custo da mão-de-obra aumentou 7,3%.

O custo dos materiais tem vindo a aumentar na sequência da falta de matéria-prima e dos preços do transporte, agravados pela escalada dos preços dos combustíveis.

No que diz respeito à mão-de-obra, este é um dos sectores mais afectados pela escassez de trabalhadores. Construtores, ouvidos pelo Pulsar Económico, apontam “o crescente desinteresse dos portugueses nas profissões associadas à construção” e acrescentam que “a solução terá de passar pelo recrutamento de imigrantes“. Já os trabalhadores afirmam que “os salários propostos pelas empresas de construção nem sempre estão adequados às funções e condições de trabalho que são oferecidas nesta área“.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE