DECO recebeu mais de 144.000 reclamações no 1.º semestre

Os sectores das telecomunicações, bens de consumo e serviços financeiros lideram o ranking de reclamações realizadas pelos consumidores entre Janeiro e Junho.
EmpresaTotal
MEO4.193
NOS3.450
Vodafone1.792
CTT1.014
TAP828
Medicare749
EDP Comercial624
Worten544
Edreams Comercial534
Gtech271
Outros36.0173

A DECO Proteste, Associação para a Defesa do Consumidor, recebeu 144.452 reclamações entre Janeiro e Junho de 2022. Os sectores das comunicações electrónicas, bens de consumo e serviços financeiros estão no topo da lista de queixas dos portugueses.

No final do ano passado, o balanço da DECO apresentava a TAP, a Medicare e os CTT no topo da lista das empresas mais reclamadas. Contudo, nos primeiros seis meses de 2022, o MEO, a NOS e a Vodafone tomaram os lugares do pódio de queixas realizadas pelos consumidores nacionais.

Rita Rodrigues, Responsável pelas Relações Institucionais da DECO Proteste, explica que “após um período de confinamento, com limitações concretas para o sector do turismo, as queixas sobre as companhias aéreas estabilizaram. Contudo, segundo a Plataforma Reclamar, a TAP mantém-se como a companhia mais reclamada (472 queixas), para além das situações reportadas por telefone e email que totalizam as 356 queixas.

Os consumidores portugueses mantêm a preferência pelo contacto telefónico para apresentarem as suas reclamações, apesar da organização apelar à utilização da Plataforma Reclamar como o meio mais eficaz na resolução das queixas dos consumidores.