Portugal no ranking de países que mais se endividam no Natal

Unir a família e responder às suas expectativas, são as razões pelas quais, um em cada cinco pais europeus (16%) afirmam contrair mais dívidas nesta época.
Foto: Unsplash
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

A quatro dias do Natal, o ECPR 2021 – European Consumer Payment Report, um estudo da Intrum, conclui que Portugal ocupa o 10º lugar no ranking dos 24 países onde os consumidores mais se endividam durante o Natal. No “Top 3” dos países mais endividados estão: a Irlanda, Grécia e Reino Unido.

De acordo com o ECPR 2021, unir a família e responder às suas expectativas, são as razões pelas quais, um em cada cinco pais europeus (16%) afirmam contrair mais dívidas durante a época natalícia. Em Portugal o valor é igual ao da média europeia.

O estudo demonstra que são as famílias com filhos (20%) que sentem mais esta questão, em comparação com as famílias sem filhos (13%). A média europeia é de 21% e 12% respectivamente.

São também as pessoas com rendimentos mais baixos que mais contraem dívidas durante a época natalícia (23%) em comparação com a média europeia (17%).

Quando analisado por idades, a Intrum conclui que a Geração Z (18-21 anos) assume que irá contrair mais dívidas para comprar presentes de Natal (27%), em comparação com a média europeia, que é de 29%. Segue-se os Millennials (22-37 anos) e a Geração X (38-44 anos) com percentagens de 19% e de 18% respectivamente.

Para Luís Salvaterra, Diretor-Geral da Intrum Portugal, “para além do mais recente estudo da Intrum concluir que Portugal é um dos países onde as pessoas mais contraem dívidas para comprar presentes e comida, numa época festiva como o Natal, o ECPR conclui também que 21% dos portugueses acreditam que vão ficar mais endividados no final de 2021 do que alguma vez já estiveram. A média europeia é de 17%. As famílias com um rendimento mais baixo e com filhos são as que mais sentem esta pressão”.

O estudo da Intrum demonstra ainda que no final do Natal de 2021, Portugal passa para o 8º lugar no ranking dos 24 países que acreditam ficar mais endividados do que alguma vez já estiveram.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE